quinta-feira, 8 de janeiro de 2009




estou opiada de ti
e percorres-me os vasos todos
o meu corpo entrança-se de sonhos

aspiro-te
como se me faltasse o ar
e os aromas dançam-me

qualquer coisa como uma droga bem forte
corpo e alma
gestos ritmados abraçando sonhos
.

5 comentários:

Ana Meca disse...

Naft

Lindo texto. Muito inspirado.

Beijos

Ana

NAFTAMOR disse...

Ana Meca,

é foi assim como que uma veia.....

mas sem mascara veio e sem mascara foi........

Um beijo

lisse disse...

Quando os dias se vestem de vermelho e há um aroma de papoilas no ar.
Quando os pássaros anunciam a liberdade e o sonho anda no ar...

É tempo de abraçar a vida e voar com eles...

Feliz dia para ti e todos os que te lêem.
Beijo

NAFTAMOR disse...

lisse,

olá!

tudo bem contigo?

já por mais de uma vez te disse, que a vida é bela; mas para algumas é mais bela do que para outras;
o "feitio" tem muito a ver, e como o meu é dos difíceis, estás a ver!!!

resto de um bom dia para ti;

Um beijo

p.s.

não mandes arranjar o Pc , que ele não se arranja sózinho.

Ana Meca disse...

Naft

Só as pessoas usam mascaras...os sentimentos, quando são genuinos esquecem-se de as usar!!

Beijos

Ana